segunda-feira, 26 de abril de 2010

Essa é pra você

Sabe, eu queria te escrever uma coisa bonita. Mesmo. Mas o problema comigo sempre foi começar. E o legal de tudo isso sempre foi você pegando minha mão e me levando pra andar por aí, e eu nunca precisar explicar nada. Foi eu ser surpreendida pelo teu beijo e nunca mais querer sair de perto dos teus braços. Ah, meu bem, que coisa bonita, que coisa bonita; e eu sou capaz de passar horas com a cabeça enterrada no teu pescoço, sentindo o teu cheiro, ouvindo e falando bobagens... Se você tem absoluta certeza, se você é capaz de olhar nos meus olhos e dizer que me quer sem nenhum rancor, sem nenhum descompasso, eu também posso ficar ao teu lado sem nenhuma dúvida, sem nenhuma tristeza. Ter você comigo me dá uma imensa vontade de viver*.

Hoje é o teu dia...
É clichê, mas é verdade: o presente é meu.

Felicidade, meu bem - e só meu!

=***

2 comentários:

  1. Presente de aniversário mar-lind'umun! #ilikeit

    beijo, Pinguinha linda!

    ResponderExcluir